terça-feira, 10 de novembro de 2009

Mente Perversa


Num café da Boavista, eu e ela mantínhamos um diálogo perfeitamente normal e sem qualquer espécie de segundas intenções. No entanto, a minha imaginação mergulhava em imagens deste género sempre que o meu olhar pousava sobre o seu peito generoso.

6 comentários:

TOUCH disse...

Incrivel o poder da nossa mente...e nada melhor como uma mente bem imaginativa...

Beijo e abraço..

▒▓█► JOTA ◄█▓▒ disse...

ººº
Amigo, corroboro a tua imaginação.


Abraço

doiSabores disse...

Tudo o que é generoso faz a nossa mente viajar e viajar...lol
Beijos

TOUCH disse...

até que ponto somos capazes de fazer o que a nossa mente deseja....

Touch H

desejo disse...

E eu, desejo, penso o mesmo se estou com...
Pensamentos perversos e perdidos.

Vontade de disse...

Certo...